Tipos de Câmeras que você deve conhecer para gravar vídeos
Tipos de Câmeras que você deve conhecer para gravar vídeos
Tipos de Câmeras que você deve conhecer para gravar vídeos

Tipos de Câmeras que você deve conhecer para gravar vídeos

Carolina Reggiani
escrito por
Carolina Reggiani
Tempo de leitura: 3 minutos

Veja os tipos de câmeras e descubra a melhor opção para o seu objetivo

Os vídeos fazem parte do nosso dia a dia. Uma passada pelo feed das redes sociais, uma busca no Youtube, ou mesmo no mundo real, somos impactados por diversos conteúdos audiovisuais. Eles são uma fonte de informação, diversão e publicidade.

Os vídeos possibilitam que o espectador processe as informações com maior facilidade e se recorde delas por mais tempo. Por conta disso, as empresas têm cada vez mais investido em tecnologias para produção e transmissão de vídeos que atinjam seus potenciais consumidores.

A profissionalização da produção de vídeos tem sido uma preocupação de pessoas que desejam produzir conteúdos de qualidade para seu público. A escolha do equipamento de filmagem é um dos passos necessários para a melhor produção possível.

Vamos ver então em quais tipos de câmeras você pode investir, e seus prós e contras!

DSLR

A sigla “DSLR” significa Digital Single Lens Reflex. Isso significa que a imagem captada será idêntica à imagem visualizada no momento da captação por conta do reflexo de espelhos no interior da câmera. A maioria das câmeras DSLR tem outra grande vantagem: lente intercambiável, ou seja, possível de ser trocada.

A possibilidade de trocar a lente é importante para uma gravação. Cada lente possui diferentes configurações de zoom (proximidade aparente de um objeto) e abertura do diafragma (quantidade de luz captada pela câmera).

 

Por isso, a câmera DSLR se torna uma opção versátil, podendo ser usada em ambientes fechados com menos iluminação, até em ambientes abertos com forte incidência de luz direta. Essas câmeras também possibilitam a configuração automática, ou o controle manual por parte do operador de câmera.

Dependendo do modelo, essas câmeras gravam em HD, Full HD e até 4K.

O seu “contra” está no fato de seus handles (modo de segurar) não serem tão confortáveis, necessitando de um tripé para estabilização de longas gravações, ou ainda de um steadycam para manter a possibilidade de movimento enquanto a câmera se mantém estabilizada. Esses acessórios são facilmente encontrados à venda.

Outro contra das câmeras DSLR para gravações é que elas podem aquecer durante o longo tempo ligadas, o que pode causar necessidade de atenção e manutenção.

Veja tudo sobre câmeras DSLR neste post!

Compactas

As câmeras compactas revolucionaram o mercado de fotografia e filmagem. A democratização das câmeras apenas foi possível por seu tamanho reduzido e sua configuração automática. Conhecidas como point-and-shoot, necessitam apenas que o operador aponte a câmera para o objeto desejado e grave.

A sua maior facilidade é também a maior fraqueza – essas câmeras não costumam ter opções de configurações, o que as torna limitadas em recursos. São uma opção para vídeos mais simples, que não exijam uma alta qualidade de imagem e som, como por exemplo para veiculação em redes sociais.

Mirrorless

As mirrorless são câmeras de corpo pequeno que não contém espelhos na parte interna. Elas são híbridas entre as DSLRs e compactas. A ideia é juntar o melhor dos dois mundo, o tamanho e leveza de uma câmera compacta e a possibilidade de intercambiar as lentes como uma DSLR.

A qualidade de imagem se assemelha às de câmeras profissionais, com a possibilidade de configurações de ISO, abertura, foco e zoom. No lado negativo, ela não conta com o visor ótico, apenas o visor eletrônico e sua bateria não dura tanto quando uma DLSR.

Filmadoras

As filmadoras possibilitam a gravação de longas horas de materiais e são ótimas escolhas para transmissões ao vivo, por sua rápida capacidade de processamento da imagem. São câmeras ainda muito utilizadas em estúdios de gravação e na produção de longa metragens.

 

A qualidade gravada permite a veiculação em TVs Corporativas e Vídeo Walls.

Pelo fato de serem câmeras profissionais robustas, requerem expertise do seu operador. Seu lugar no mercado está mais para produtoras profissionais.

Smartphones

A cada geração de smartphones vemos configurações cada vez mais avançadas. Se utilizando até de inteligência artificial para melhorar a qualidade de captação, os smartphones ganharam espaço pelo equilíbrio entre a qualidade atingida e a praticidade do equipamento.

Acessórios como pequenos tripés, iluminação externa e microfones acoplados ao celular ajudam a obter profissionalismo nos vídeos, desde que transmitidos em telas não muito grandes, como celulares, tablets e notebooks.

Os principais tipos de câmeras são: DSLR, Compacta, Mirrorless, Filmadora e Smartphones. (Arte: Juliana Polastri)
Os principais tipos de câmeras são: DSLR, Compacta, Mirrorless, Filmadora e Smartphones. (Arte: Juliana Polastri)

A escolha entre os tipos de câmeras

A escolha do tipo de câmera vai depender da qualidade necessária do vídeo final e em qual tela ele será transmitido.

Você quer produzir vídeos? A Voxel Digital conta com uma equipe completa de produção de conteúdo audiovisual. Fale com nossos consultores!

Produção de conteúdo audiovisual pela Voxel Digital.
Produção de conteúdo audiovisual pela Voxel Digital.

Autor

Carolina Reggiani
Carolina Reggiani

Gostou? Deixe seu comentário