Mapa mental: como organizar ideias para seus vídeos
Mapa mental: como organizar ideias para seus vídeos
Mapa mental: como organizar ideias para seus vídeos

Mapa mental: como organizar ideias para seus vídeos

Carolina Reggiani
escrito por
Carolina Reggiani
Tempo de leitura: 2 minutos

Conheça a técnica  de mapa mental que ajuda a organizar ideias em estruturas de mapeamento para projetos e planejamentos de vídeos

mapa mental é um diagrama feito para organizar, memorizaranalisar ou criar um conteúdo. A técnica se utiliza da conexão de conceitos-chave em uma estrutura de ramificações, com diferentes cores e símbolos, para trazer todos os insights sobre determinado assunto. Essas associações funcionam de forma parecida às sinapses do cérebro.

Os conceitos-chave são baseados no lado analítico do cérebro, e as cores e o visual incentivam o nosso lado criativo. Por isso, os mapas mentais são tão instintivos e eficazes.

Entre suas muitas funções, separamos alguns cenários para utilizá-los:

  • Aprender;
  • Memorizar;
  • Desenvolver a criatividade;
  • Inovar;
  • Criar;
  • Solucionar problemas;
  • Planejar;
  • Estruturar projetos.
O mapa mental utiliza o lado criativo e analítico do cérebro. (Arte: Juliana Polastri)
O mapa mental utiliza o lado criativo e analítico do cérebro. (Arte: Juliana Polastri)

Como fazer um mapa mental?

Eles podem ser feitos no papel, com lápis e canetinhas coloridas, ou de forma digital, em ferramentas como o Mind Meister. Vamos ver o passo-a-passo!

1. Título

Comece com a temática do mapa no centro e circule a palavra. Essa palavra corresponde à ideia principal. Pense: qual o objetivo do mapa? Estruturar personagens em um roteiro? Organizar a produção de um vídeo institucional? Essa palavra deve representar esse assunto.

2. Ramificações

Defina as principais informações que precisam estar no mapa. Existem duas formas de seguir as ramificações:

Analítica: São definidos temas “guarda-chuva” do projeto principal. Por exemplo, para o seu projeto de vídeo, as ramificações podem ser os departamentos que vão participar; para estudos de benchmarking, os principais conceitos abordados a partir do tema principal.

Criativa: Deixe seu cérebro fazer as associações e escreva as primeiras palavras que o tema principal lhe remete, como um brainstorming. Essa técnica é mais utilizada para iniciar novas ideias.

As próximas ramificações devem continuar seguindo cada tema. Quais os próximos passos de cada departamento no projeto? Que assuntos existem dentro de cada grupo-chave? Vá respondendo essas questões e desenvolvendo seu mapa mental.

Você pode criar quantas ramificações quiser!

Dica: Não escreva frases longas, apenas palavras-chave que descrevam a ideia.

3. Cores

As cores deixam o diagrama mais visual e facilitam seu entendimento. Você pode definir uma cor para cada ramificação, o que facilita a visualização das palavras-chave.
Outra ideia é marcar de uma cor os problemas e situações críticas e outra as possíveis soluções.

4. Símbolos

Símbolos ou imagens também auxiliam na visualização. O cérebro processa imagens mais rápido que palavras, por isso, são excelentes para a memorização. Associe etapas ou palavras do mapa a símbolos e facilite o entendimento.

Símbolos e cores axuliam no entendimento de forma visual do mapa mental. (Arte: Juliana Polastri)
Símbolos e cores auxliam no entendimento de forma visual do mapa mental. (Arte: Juliana Polastri)

5. Revisões e edições

A primeira versão não ficou exatamente como você queria? Não tem problema, é fácil adicionar novas informações sem que fiquem deslocadas do resto do mapa. Portanto, revise quantas vezes for necessário!

Gostou do conteúdo de hoje? Veja também as técnicas de Design Thinking e Matriz de Conteúdo para ajudar na criatividade!

Compartilhe com os colegas para utilizarem no próximo projeto de vídeo!

Produção de vídeos pela Voxel Digital.
Produção de vídeos pela Voxel Digital.

Autor

Carolina Reggiani
Carolina Reggiani

Gostou? Deixe seu comentário